Fã de anime preso por tentar contratar assassino para matar uma fã de anime que conheceu online

31 de maio de 2021
Notícia

O Beverly Press noticiou um estranho caso envolvendo fãs de anime. Segundo o site a polícia prendeu um homem de Beverly Hills de 24 anos chamado Scott Quinn Berkett a 21 de maio de 2021 por este ter tentado contratar um assassino para matar uma mulher que ele conheceu através de um fórum anime em 2020.

As autoridades federais foram notificadas sobre o suposto complô a 7 de maio através de uma denúncia sobre um indivíduo que procurava um assassino profissional pela Internet. O indivíduo teria procurado um assassino num site da dark web que anuncia serviços de assassinato. Os agentes do FBI revelaram que o site que anuncia serviços de assassinato é uma farsa, mas o indivíduo que supostamente estava a procurar um assassino acreditava que estava a falar legitimamente com alguém que cometeria um assassinato em seu nome e teria enviado 13.000 dólares em Bitcoin para contratar o assassino.

O suspeito também teria transmitido informações sobre a vítima, incluindo locais onde ela possivelmente estaria, apelidos, um endereço de e-mail e informações de redes sociais, juntamente com uma fotografia de uma tatuagem distinta. Agentes do FBI documentaram que os pagamentos em Bitcoin foram feitos entre 5 de abril e 5 de maio, de acordo com a denúncia.

Os agentes do FBI também identificaram a vítima feminina e falaram com ela, o que levou as autoridades a Berkett. Ela disse aos agentes que conheceu Berkett online no ano passado num site para fãs de uma série anime, e eles tornaram-se amigos. Mais tarde, ela voou para Los Angeles para visitá-lo em outubro de 2020. A queixa criminal afirma que a vítima disse às autoridades que Berkett foi “sexualmente agressivo” durante a viagem. Depois de ela voltar para casa tentou romper o relacionamento, mas ele se tornou “possessivo”. Após vários meses sendo assediada por Berkett, um membro da família intercedeu em nome da vítima, ligando a Berkett e pedindo-lhe que deixasse a vítima em paz. Berkett teria concordado, mas então começou a procurar um assassino na Internet.

Como parte de uma investigação mais aprofundada, um agente federal fingindo ser o assassino falou com Berkett ao telefone a 21 de maio para fazer os preparativos para o assassinato. O réu teria reafirmado o seu desejo de que a vítima fosse assassinada. O agente disfarçado pediu a Berkett que transferisse mais 1.000 via Western Union, o que o réu acabou por fazer. As transcrições da conversa entre Berkett e o agente foram incluídas na denúncia criminal.

O réu teria pedido que o assassinato fosse cometido de forma que parecesse um acidente e ele teria pedido provas de que a vítima tinha sido morta, incluindo uma fotografia do corpo da vítima mostrando a tatuagem distintiva.

© AnimeNews 2021 - Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvido com Pela RiverLab.