Sites piratas de animes fecham devido à situação do Brasil

9 de fevereiro de 2019
Notícia

Como todos já sabem, diversos sites ilegais brasileiros de animes vem sendo perseguidos pela Crunchyroll durante toda a semana. Agora a situação começa a se agravar atingido também os fansubs da América Latina.

Dois sites grandes de animes AnimeYT AnimeMovil que atendiam o publico de países como Argentina, Chile, Peru México fecharam ou redirecionaram os animes alegando que uma das causas é a situação que os sites brasileiros estão passando, sendo perseguidos e pressionados para fechar ou redirecionar o domínio.

Para se ter uma noção do problema, o website está entre os 50 sites mais visitados nesses países, superando de longe sites tradicionais de streaming e torrent.

Assim como no Brasil, o encerramento desses websites criou muita comoção nas redes sociais por parte dos fãs desse conteúdo que também passaram a atacar a Crunchyroll. A empresa de streaming de animes ainda não confirmou nenhuma abordagem aos dois sites e nem deu nenhuma notícia oficial sobre o atual perseguição dos sites de animes.

Em uma mensagem de despedida, o operador do AnimeYT, “TioYT”, menciona a situação atual no Brasil como o motivo da decisão. Ele não aponta o dedo para uma ameaça legal específica e escolhe terminar com uma mensagem pessoal.

“Passei muitos anos a traduzir animes, a discutir com os fãs, a assistir animes nesta página. Tanto que, quando olho para a minha vida, penso que pelo menos um quarto das minhas memórias estão ligadas a este site, a esta comunidade.
 
Lembre-se que por trás deste tipo que chamam ‘TioYT’ há um sujeito comum que tem os seus próprios problemas, a sua família, quem tem outras responsabilidades e que mais do que qualquer coisa está muito grato por todo o amor e apoio que todos demonstraram ao site em geral.”

Além disso, diversos usuários desses sites de animes, começaram a fazer o upload de episódios de diversos animes para sites pornográficos, esperando que eles estejam seguros lá.

© AnimeNews 2019 - Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvido com Pela RiverLab.